Bolsa do Povo: confira detalhes sobre o novo benefício que pode pagar até R$ 500,OO

Bolsa do Povo: confira detalhes sobre o novo benefício que pode pagar até R$ 500,OO

Com a pandemia, o Governo tem disponibilizado uma série de benefícios para garantir que os cidadãos consigam acesso aos itens básicos de sobrevivência. E, para isso, mais um benefício está sendo planejado pelo Governo: o Bolsa do Povo. 

Esse novo recurso promete beneficiar pessoas de baixa renda com até R$ 500,00 para a população mais vulnerável. Sendo assim, a expectativa é que o Governo consiga destinar cerca de 1 bilhão em recursos para o programa neste ano.

Dessa forma, será possível atingir até 500 mil pessoas e cerca de 645 municípios do estado. Portanto, será um benefício abrangente que visa ajudar famílias em situação de pobreza. 

Além disso, o Governador João Doria, informou que o programa Ação Jovem também irá integrar a proposta, contribuindo o valor de de até R$ 100 para estudantes com idade entre 15 a 24 anos 

Além do mais, o Governo tem uma expectativa de novas contratações, em média, 20 mil pais de alunos matriculados na rede de ensino estadual. Sendo assim, a ideia do Programa é ajudar a população não somente durante a pandemia, mas a intenção é dar continuidade em alguns dos benefícios oferecidos atualmente mesmo após a vacinação.

“O Bolsa do Povo é o maior programa social da história de São Paulo. Ao lado do enfrentamento da pandemia, da preservação da vida, da obediência à ciência, estamos também acompanhando o crescimento acelerado da pobreza, da vulnerabilidade, em São Paulo e no Brasil (...), pronunciamento feito pelo Governador João Doria. 


Como o Bolsa do Povo vai funcionar?


O programa tem como objetivo partir da unificação de alguns benefícios, são eles: 

  • Bolsa Trabalho (Novas vagas);
  • Bolsa Renda Cidadã (assistência social);
  • Bolsa Aluguel Social (Moradia);
  • Bolsa Talento Esportivo (incentivo);
  • Bolsa Auxílio Via Rápida (qualificação profissional); 
  • Ação Jovem e contratação de pais e mães de alunos (educação). 

Essas ações que já foram adotadas pelo Governo serão unificadas em um só benefício, além de contribuir com o valor de até R$ 500,00 mencionado anteriormente. 
Em breve, os beneficiários receberão cartões físicos para realizar o saque do benefício, além de ser disponibilizado a versão virtual para que os usuários possam realizar movimentações sem a necessidade de sacá-lo, da mesma forma como ocorre no aplicativo Caixa Tem.

Para garantir esse direito, é necessário realizar o Cadastro Único, além disso, é fundamental mantê-lo atualizado. Vale reforçar que o benefício dará prioridade para mães de família, portanto, se você é chefe de família e possui renda baixa, vale a pena realizar o cadastro e acompanhar os próximos pronunciamentos quanto ao pagamento do benefício. 

Leticia Monaly

Redatora no Benefício Social, Publicitária com especialidade em produção de conteúdo. Sou apaixonada pelo universo da comunicação e motivada a explorar ideias.

Deixar um comentário

Seu e-mail não será publicado!

Digite os 3 símbolos em PRETO

captcha image

carregando

Comentários

Seja o primeiro a comentar!