Saiba quais são os benefícios sociais que as empresas podem oferecer

0

Os benefícios sociais são importantes em qualquer contexto. E, não é diferente com as empresas! Cada vez mais, o departamento de Recursos Humanos tem pensado na implementação de benefícios que, vão além dos que são impostos pela legislação trabalhista. 

Isso porque, os benefícios têm papel fundamental em uma empresa, contribuindo para a motivação dos colaboradores. Quando a proposta de trabalho vem acompanhada de bons benefícios, os colaboradores tendem a se sentirem mais valorizados, o que influencia diretamente no desempenho durante o trabalho. 

Antes de entrarmos a fundo no assunto, o que acha de esclarecermos o que são os benefícios sociais? Continue acompanhando esse artigo para saber mais! 

O que são e quais são os benefícios sociais oferecidos pelas empresas? 

Os benefícios sociais são facilidades oferecidas pelas empresas. Ou seja, além da remuneração, os candidatos se sentem atraídos pela oportunidade de trabalho através dos benefícios extras que são oferecidos. 

É importante enfatizar que, existem duas classificações de benefícios, como os legais e os que a empresa considerou importantes de acordo com a sua cultura organizacional. Podemos dizer que, essa segunda classificação, parte de um benefício espontâneo oferecido pela organização. 

Entre os benefícios espontâneos, a empresa não é obrigada a oferecê-los, portanto, fica a critério do departamento de Recursos Humanos definir se vai ou não disponibilizar e quais são os mais pertinentes. 

Já os benefícios obrigatórios, esses são de direito do colaborador de acordo com as leis trabalhistas e, devem ser oferecidos conforme as condições de trabalho acordadas durante a contratação. Confira abaixo quais são os principais benefícios sociais obrigatórios: 

  • Assistência médica;
  • Assistência odontológica;
  • Décimo terceiro;
  • Vale-transporte;
  • Férias remuneradas;
  • Hora extra;
  • FGTS;
  • PIS.

Esses são os principais benefícios sociais obrigatórios. No entanto, vale ressaltar que, em alguns casos, o custo do benefício será parcialmente do funcionário. 

Quais os tipos de benefícios os sociais?  

Como vimos, existem duas classificações de benefícios, podendo ser os legais e os espontâneos, porém, existem alguns tipos que fazem parte dessas classificações. Conheça  quais são: 

Monetários

São gratificações em dinheiro incluídas na folha de pagamento, como: bonificações, aposentadoria, empréstimos e financiamento de medicação.

Não-monetários

Esse tipo de benefício é composto por uma variedade de facilidades que podem ser oferecidas, como: refeitório interno, vale-cultura, horários flexíveis, palestras e cursos gratuitos, sala de conveniência, entre outros. 

Os benefícios trazem um grande diferencial para as empresas e fazem com que os colaboradores se sintam valorizados. Além disso, são uma ótima ferramenta para a redução de turnover (índice de rotatividade) nas empresas. 

Atente-se ao contrato de trabalho 

Contudo, os benefícios variam de acordo com cada contrato de trabalho. Portanto, antes de aceitar uma proposta de trabalho, confira quais são os benefícios oferecidos e se são pertinentes com a sua necessidade e expectativa. 

Além disso, verifique se os benefícios obrigatórios são disponibilizados pela empresa. Normalmente, essas informações são dispostas no contrato de trabalho, sendo assim, antes de assinar o acordo, leia e releia o documento e veja se a proposta é a mais adequada para o que deseja.

Leave A Reply

Your email address will not be published.