Saiba quais foram os 06 benefícios liberados pelo governo na pandemia

0

Em meio a pandemia provocada pelo vírus Covid-19, o governo liberou diversos benefícios sociais, a fim de reduzir os impactos financeiros no país. Além de contribuir para o combate à crise, os benefícios liberados favoreceram muitas famílias brasileiras. 

Porém, para que mais famílias sejam beneficiadas, é necessário que todos aqueles que possuem direito tenham acesso a informações importantes, como participar, quais são os requisitos, entre outras. 

Existem diversos benefícios que podem ser aproveitados, ajudando na redução do impacto da crise. Para saber quais são, continue acompanhando esse artigo e aproveite para esclarecer as suas dúvidas. 

Principais benefícios liberados pelo governo 

Conheça quais foram os principais benefícios liberados pelo governo em meio a pandemia provocada pelo Coronavírus. Confira, a seguir: 

Saque do FGTS

Assim quando a pandemia teve início, o governo já anunciou a liberação do valor integral de R$ 1.045. O saque estará liberado até o dia 31 de dezembro de 2020 para contas ativas ou inativas. 

Auxílio emergencial 

Outro beneficio liberado pelo governo, é o Auxílio Emergencial no valor de R$ 600,00. Os trabalhadores informais e os desempregados, tiveram acesso a esse valor. No caso de mães chefes de família, o benefício foi disponibilizado em duas cotas, ou seja, R$ 1.200,00. 

Antecipação décimo terceiro 

Os aposentados e pensionistas terão direito a antecipação do décimo terceiro, paga pelo  Instituto Nacional do Seguro Social (INSS). A primeira parcela foi paga abril e maio, priorizando os assegurados que ganham até 1 salário mínimo. 

Abono PIS

O valor será liberado para trabalhadores ativos no ano de 2019, desde que, o valor recebido não tenha ultrapassado o equivalente a 2 salários mínimos. O pagamento foi iniciado no mês de julho para nascidos no mês correspondente e vai durar até março de 2021. 

Isenção da taxa de energia 

Além de tudo, o governo liberou a isenção do pagamento da taxa de energia, desde que, o consumo mensal fosse inferior a 220 kWh/mês. Vale ressaltar que, a isenção só valerá para o consumo de energia, ou seja, outras taxas, como tributos, impostos e taxas de iluminação pública, deverão ser pagas. 

Auxílio doença do INSS

No caso de trabalhadores doentes, poderão receber o benefício no valor de R$ 1.045,00 sem a necessidade da perícia médica. Nesse caso, será necessário apresentar o atestado médico, que poderá ser protocolado via sistema online. 

Esses são os principais benefícios liberados pelo governo durante a pandemia, a fim de minimizar os impactos financeiros. É importante ressaltar que, para  todos os benefícios, é necessário realizar o Cadastro Único no site do governo. 

Caso já seja cadastrado, é importante conferir se todas as informações estão atualizadas. Outro ponto importante, trata-se dos requisitos, é necessário conferir quais são as determinações para cada benefício. 

Caso você atenda aos requisitos e tenha o Cadastro Único, fique atento ao site do governo para mais informações e se mantenha atualizado, a fim de garantir participação em todos os benefícios que tenha direito. 

Leave A Reply

Your email address will not be published.